Um acidente com um caminhão-tanque matou uma pessoa carbonizada e bloqueou por mais de 2h30 o trecho de serra da Tamoios (SP-99) nesta segunda-feira (18). O veículo, carregado com 40 mil litros de combustível, pegou fogo. 

A interrupção do tráfego aconteceu a partir das 11h na altura dos km 58 (sentido litoral) e km 81 (sentido São José dos Campos). Às 13h40, foi adotado o sistema ‘Pare e Siga’ no trecho, liberando parcialmente a via, segundo a concessionária que administra a Tamoios.

Os bombeiros foram acionados e seguiam no local do acidente, no km 79, até a última atualização da reportagem. O fogo foi de grandes proporções e foi controlado por volta de 12h20.

A Polícia Rodoviária Estadual informou que o caminhão carregado com o produto inflamável tombou às 11h. Antes, atingiu um carro. Segundo os bombeiros, a vítima que morreu é o motorista do caminhão. Os dois ocupantes do carro conseguiram sair antes que as chamas se alastrassem pela pista.

As alternativas aos motoristas que vão ao litoral norte paulista são as rodovias Oswaldo Cruz e Mogi-Bertioga.

Fogo se espalhou e deixou rastro na rodovia — Foto: Bombeiros/Divulgação
Fogo se espalhou e deixou rastro na rodovia — Foto: Bombeiros/Divulgação
Bombeiros atendem ocorrência na serra da Tamoios — Foto: Bombeiros/Divulgação
Bombeiros atendem ocorrência na serra da Tamoios — Foto: Bombeiros/Divulgação
Caminhão estava carregando com combustível — Foto: Bombeiros/Divulgação
Caminhão estava carregando com combustível — Foto: Bombeiros/Divulgação
Equipes atuavam no local por volta das 14h40 no local do acidente; parte da pista da Tamoios segue interditada  — Foto: Pedro Melo/ TV Vanguarda
Equipes atuavam no local por volta das 14h40 no local do acidente; parte da pista da Tamoios segue interditada — Foto: Pedro Melo/ TV Vanguarda
Fogo na serra pode ser visto por moradores do bairro Rio do Ouro em Caraguá — Foto: Hawenna Morais,/Vanguarda Repórter
Fogo na serra pode ser visto por moradores do bairro Rio do Ouro em Caraguá — Foto: Hawenna Morais,/Vanguarda Repórter

 

FONTE: G1