AMAZONAS: Sargento morre em hospital após reagir a assalto e matar suspeito

Vítima chegava a sua casa quando foi abordado por dupla em moto. Houve troca de tiros; um dos suspeitos conseguiu fugir.

Um sargento reformado da Polícia Militar (PM), de 50 anos, e um homem ainda não identificado morreram após uma troca de tiros durante uma tentativa de assalto na noite desta quarta-feira (8). O fato ocorreu na Rua Galileia, na comunidade Jesus Me Deu, bairro Colônia Terra Nova, na Zona Norte de Manaus. O policial morreu em uma unidade hospitalar. O suspeito morreu no local do crime.

De acordo com testemunhas, o sargento Cledson Afonso chegava em casa com a filha, de 17 anos, por volta das 19h quando dois homens em uma moto anunciaram o assalto.

“Ele foi me buscar no cursinho, ele ia me buscar todos os dias. Hoje nós paramos aqui na frente de casa e um dos homens falou ‘é um assalto!’ Eu desci da moto e ele [sargento] pegou na cintura dele onde ele guardava a arma. Eu ainda disse ‘Não, pai’, mas eles começaram a brigar”, afirmou a filha da vítima.

Crime ocorreu no bairro Colônia Terra Nova, na Zona Norte de Manaus. (Foto: Indiara Bessa/G1 AM)

O sargento e um dos suspeitos iniciaram uma luta corporal, que resultou em uma troca de tiros entre eles. O outro infrator fugiu do local na motocicleta.
“O meu pai levou três tiros. Ele foi pro [Hospital] Delphina Aziz, ainda chegou vivo lá mas não resistiu aos ferimentos”, contou a filha.

O suspeito morreu no local, com três tiros no tórax. Segundo a perícia da Polícia Civil, ele ainda não foi identificado. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). A equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) esteve no local.