Assembleia aprova projeto do Governo que acaba com feriado da segunda-feira de Carnaval

De acordo com a justificativa do Executivo, dias improdutivos causam o desaquecimento da economia que se inicia na cadeia produtiva e envolve todas as etapas da produção de um bem, desde o planejamento e o design do mesmo até que ele seja entregue ao consumidor, incidindo em outras áreas de mercado.

O feriado de segunda-feira de Carnaval, que serve para homenagear o Dia do Comerciário foi cancelado em votação no Plenário da Assembleia Legislativa, na tarde de quarta-feira (15). A proposta de revogação da Lei 1.604/2006 foi feita pelo governo do Estado sob a alegação de que o momento econômico mundial não permite tanta paralisação nas atividades econômicas.

De acordo com a justificativa do Executivo, o cenário político e econômico turbulento vivenciado no País e, consequentemente, nos entes federados, reflete na redução de consumo, investimento e arrecadação, notoriamente no setor privado.

Ainda segundo o projeto para extinção da data comemorativa, dias improdutivos causam o desaquecimento da economia que se inicia na cadeia produtiva e envolve todas as etapas da produção de um bem, desde o planejamento e o design do mesmo até que ele seja entregue ao consumidor, incidindo em outras áreas de mercado.

O projeto que encontrou apoio dos parlamentares esclareceu ainda, que o Estado vem mantendo sua economia sob controle, ao contrário da maioria dos Estados Brasileiros que se encontra em dificuldades financeiras, com diminuição de receitas e altas taxas de desemprego.