Por meio de consultas ao sistema, verificou-se que o número do motor divergia do que constava no veículo, sendo que na marcação vistoriada foram identificados indícios de adulteração, que tinha o intuito de ocultar a numeração real, por se tratar de um veículo com restrição de furto/roubo.

Fonte: Assessoria