Ex-governador Garotinho faz retrato falado de suposto agressor

Ele alegou que foi atacado enquanto dormia na cadeia de Benfica por um homem com um taco de beisebol. Imagens das câmeras de segurança do presídio não mostraram nenhuma movimentação suspeita.

O ex-governador Anthony Garotinho esteve na Cidade da Polícia na manhã desta quinta-feira (5) para terminar o retrato falado do homem que o teria supostamente agredido dentro da Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, na Zona Norte do Rio. Segundo ele, o retrato já estava praticamente pronto, faltando apenas o nariz para terminar a imagem.

“O retrato estava pronto, praticamente. Estávamos em Bangu e faltava apenas colocar o nariz quando o sistema deu pane, e estamos há mais de 30 dias querendo completar o nariz”, explicou Garotinho, antes de ser encaminhado para a Coordenadoria de Recursos Especiais [Core] para finalizar o retrato.

O ex-governador disse que foi atacado — enquanto dormia — por um homem que tinha um taco de beisebol. As imagens das câmeras de segurança do presídio não mostraram nenhuma movimentação suspeita.