Faleceu nesta madrugada o jornalista Carlos Neves Araújo

carlinhosCarlos Neves de Araújo, faleceu na madrugada desta quarta feira em Porto Velho. A causa da morte ainda não foi divulgada, mas sabe-se que ele estava internado na UTI de uma instituição de saúde particular.

Competente jornalista, atuou em vários órgãos de imprensa da capital: O Guaporé, O Parceleiro, A Tribuna e Alto Madeira.

No serviço público, iniciou sua carreira na Assembleia Legislativa, atuou como assessor de imprensa do ex-Deputado Walter Bártolo. Depois, com o advento da efetivação dos servidores públicos da Assembleia, Carlos Neves, se efetivou na Assessoria de Imprensa da ALE, onde também, recentemente atuou como Diretor de Imprensa.

Carlinhos, como era carinhosamente conhecido entre os amigos, atuou em outros órgãos públicos além da Assembleia Legislativa, foi assessor de imprensa da Secretaria de Indústria e Comércio de Rondônia; no Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Estado de Rondônia (Iperon); Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região; Colégio de Presidentes e Corregedores dos Tribunais Regionais do Trabalho; Ministério Público do Estado de Rondônia.
Carlos Neves, quando não esteve em cargo de direção, sempre desempenhou suas funções como jornalista. E Teve o trabalho reconhecido com moção de aplausos em várias ocasiões.