2692016-125008-morto_goi

Everton da Silva Oliveira, vulgo Danone e Rodrigo Eterno de Queiroz, foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Cáceres, no Mato Grosso. A dupla é suspeita de ter executado a tiros Josesuel Batista dos Santos, o “Boca”, na última sexta-feira no terminal do Aeroporto Jorge Teixeira em Porto Velho.

Josesuel Batista dos Santos usava documentos falsos. Ele foi morto em sua caminhonete e teria envolvimento com o tráfico de drogas e estaria foragido pelo crime de homicídio em Goiânia.

A Polícia acredita que a execução de Boca deve ter desdobramentos nas ruas e dentro do sistema prisional goiano, em razão da disputa pelo tráfico de drogas nos dois Estados. O assassinato teria sido ordenada por Iterley Martins de Souza, um grande traficante de Goiânia.