PARÁ: PM reforça segurança no entorno de agências após ataque a caixas

Assaltantes roubaram agência da Caixa em Mosqueiro nesta terça-feira, 15. Caixas eletrônicos foram alvo de arrombamento em Itaituba e Tucuruí.

A Polícia Militar do Pará disse nesta terça-feira (14) que irá reforçar a segurança e intensificar as rondas no entorno das agências da Caixa Econômica Federal e lotéricas, onde trabalhadores estão realizando os saques de contas inativas do FGTS, para evitar novos ataques e roubos.

Na madrugada desta terça, o gerente de uma agência da Caixa Econômica localizada em Mosqueiro, e que mora em Ananindeua, na região metropolitana da capital, teve a casa invadida por assaltantes que fizeram a família dele refém. Segundo informações da Polícia Civil, ele teria sido obrigado a fazer um saque de R$ 800 mil para que a mulher e filhos fossem liberados. Os assaltantes fugiram com a quantia em dinheiro. Peritos estiveram na agência bancária para apurar mais informações. Até o momento nenhum suspeito de envolvimento nesse crime foi preso.

“A PF já encaminhou uma equipe de peritos e papiloscopistas para o local na tentativa de identificar impressões digitais, resíduo de DNA, alguma coisa que possa levar à identificação desses criminosos”, explicou Jorge Eduardo Oliveira, delegado da Polícia Federal, que investiga o caso.

De acordo com a Caixa, só nesta primeira fase foram liberados R$ 68 milhões para mais de 71 mil trabalhadores no Pará.

“A gente tem recomendado, a Caixa inclusive tomou a iniciativa de que fazer os saques em contas que a pessoa já tenha para evitar que seja preciso sacar todo esse recurso”, esclareceu Guilherme Bacellar, superintendente da Caixa no estado.

Com mais gente e mais dinheiro circulando, as 80 agências da Caixa Econômica Federal existentes no estado ficam mais visadas. Além delas, existem 307 lotéricas e 182 pontos de autoatendimento no Pará.

No interior do estado, bancos foram alvos de ataques. Em Tucuruí, no sudeste paraense, bandidos entraram pelos fundos da agência ontem de madrugada. Eles usaram um maçarico para arrombar os caixas eletrônicos e roubar o dinheiro. Em Itaituba, no sudoeste do Pará, no último fim de semana, criminosos também m arrombaram dois caixas eletrônicos dentro do aeroporto da cidade.

“A nossa Diretoria de Operações recebeu essa listagem, já distribuiu para todos os Comandos, tanto capital quanto interior para que fizesse esse acompanhamento desse cidadão que vai até a Caixa e a lotérica receber”, declarou Carlos Raiol, tenente coronel da Polícia Militar.