Policial é suspeito de ferir vizinho por causa de som alto

Policial teria atirado contra o chão após pedir para abaixar volume de som. Jovem disse que foi atingido por fragmentos de munição utilizada em disparo.

Caso foi levado à 1ª Delegacia de Polícia de Ji-Paraná (Foto: Samira Lima / G1)
Caso foi levado à 1ª Delegacia de Polícia de
Ji-Paraná (Foto: Samira Lima / G1)

Um policial civil é suspeito de ter ferido o próprio vizinho em Ji-Paraná (RO), a cerca de 370 quilômetros de Porto Velho, na última quarta-feira (19), após efetuar um disparo de arma de fogo. A vítima teria sido atingida no braço pelos fragmentos da munição deflagrada. O jovem de 21 anos relatou à polícia que o suspeito foi até a sua residência e teria disparado um tiro contra o chão após pedir para que o rapaz abaixasse o volume de um aparelho de som.

De acordo com o relato do morador à polícia, ele estava em casa na última quarta-feira, com cerca de dez amigos, tocando violão, cantando e também ouvindo som, quando alguém bateu no portão. Quando o jovem abriu o portão, o policial estava na frente do imóvel com a arma em punho. O morador contou que o policial disse para que abaixassem o volume do som e, em seguida, atirou contra o chão.

Após o disparo, o morador fechou o portão e percebeu um ferimento no braço esquerdo, que possivelmente foi resultado dos fragmentos do projétil. O jovem procurou a 1ª Delegacia de Polícia Civil do município e registrou um boletim de ocorrência de lesão corporal.

Segundo o boletim, o policial civil já teria registrado uma ocorrência por perturbação de sossego contra o morador. Na manhã desta quinta-feira (20), ele compareceu à delegacia para prestar esclarecimento sobre o ocorrido. A Polícia Civil investigará o caso.