Os ex-secretários estaduais Williames Pimentel e Luís Eduardo Maiorquim, tiveram suas prisões relaxadas pela Justiça de Rondônia no final da noite desta última segunda-feira (1).

Pimentel foi liberado após a Ordem dos Advogados de Rondônia entrar com uma ação alegando que não havia estrutura no presídio Pandinha para acomodar Pimentel, que é advogado e tem direito a uma sala de Estado Maior. Ele foi para casa e está sendo monitorado por uma tornozeleira eletrônica.

Já o médico, Eduardo Maiorquim, que estava preso em um leito do hospital João Paulo II, recebeu a notícia de sua liberdade por volta das 22h através de um oficial de Justiça que foi até o pronto socorro. Ainda em estado de saúde que inspira cuidados, Maiorquim foi encaminhado para o Hospital Central, onde recebe tratamento médico.

Deflagrado nesta última sexta-feira (29) a operação Pouso Forçado é uma ação independente da Polícia Civil e prendeu 13 pessoas, que já tiveram suas prisões revogadas. Os agentes da PC/RO seguem as investigações que deverão ser apresentadas à Justiça.

 

FONTE: Rondoniaovivo