Prefeito reabre Mercado Peixe e anuncia integração com complexo da Madeira Mamoré

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB), reabriu oficialmente neste domingo, 5, o Mercado do Peixe, estrutura seriamente afetada desde a cheia histórica do rio Madeira em 2014. O prédio passou por reforma há mais de três semanas comandada pela equipe do secretário Wellen Prestes. O trabalho foi concluído no sábado, 4, com pintura dos boxes, limpeza, inclusive com jato d’água, pintura e tapa-buraco no estacionamento. Além da Semusb, também participaram da operação a Semob, Emdur e Semtran. O Mercado do Peixe é gerido pela Subsecretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico Social e Turismo (Semdestur), pasta comanda pelo técnico Júlio Cezar.

Em discurso, o prefeito disse estar devolvendo mais um espaço a população de Porto Velho, praticamente abandonado pela gestão anterior após a enchente do Madeira. Hildon anunciou um projeto de integração do Mercado do Peixe com o complexo da Estrada de Ferro Madeira Mamoré (EFMM). A ideia é criar uma orla com um calçadão desde a praça do centro histórico até o local incentivando a visitação do público. Em tom de desabafo, o prefeito explicou que os “desafios são grandes” no comando da Capital. “Recebemos uma estrutura ruim. Os processos são falhos. Nada funciona adequadamente o mínimo possível. Onde não há controle e organização campeiam o desperdício e a corrupção”, afirmou Hildon acompanhado de todos os secretários municipais, vereadores e os deputados federais Lindomar Garçom (PRB) e Luiz Cláudio (PR), que foram prestigiar a cerimônia.

Hildon diz que está enfrentando os problemas e desafios de peito aberto e cabeça erguida combatendo determinados interesses que só trazem prejuízos a população. O prefeito lembrou que nestes dois meses de administração não comprou um único caminhão ou contratou garis, mas já é visível a limpeza na cidade. Segundo ele, 56 caçambas de lixo foram retiradas do Bairro Ulisses Guimarães, onde foi concluída mais uma etapa do Mutirão Legal, programa criado pelo secretário Wellen Prestes, e outras 50 da Avenida Jorge Teixeira. “Estamos fazendo nossas ações com o que já existia e está dando certo”, comemorou o prefeito, anunciando ainda a retomada da operação tapa buracos, que havia sido paralisada por falta de insumos.