FOTO: (Divulgação)

Segundo informações da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), os dois primeiros casos suspeitos de coronavírus (COVID-19), reconhecidos pelo Ministério da Saúde em Rondônia, já foram descartados.

Os casos passaram, a princípio, por exames do Laboratório Central de Saúde Pública de Rondônia (Lacen), e foram negativados para todos os tipos de Influenza. As amostras foram, posteriormente, encaminhados para o Instituto Adolfo Lutz (IAL), laboratório referência nacional para análises de coronavírus, e também foram descartados.

Outros novos dois casos foram notificados esta semana na cidade de Ariquemes e estão sendo acompanhados pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde de Rondônia (Cievs) e Vigilância Epidemiológica Municipal. A Agevisa está com processo de compra emergencial para abastecimento de kits de coleta de amostras para secreção da nasofaringe, para diagnóstico de coronavírus.

A Agevisa enfatiza, ainda, que os pontos focais para tratar do COVID-19 em Rondônia são o Cievs estadual, que pode ser contatado pelos telefones 0800 642 5398 (24 horas) ou (69) 3216-5398, que atende das 7h30 às 13h30; Cievs municipal em Porto Velho, 0800 647 1010 (24 horas) ou (69) 3901-2835.

O Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde da Agevisa está em contato ininterrupto com todas as Vigilâncias em Saúde Municipais para captura adequada e manejo de qualquer caso suspeito de coronavírus.

Fonte: Secom – Governo de Rondônia