Rebelião: Menores da sentenciada queimam colchões e quebram celas

Por volta das 3h da manhã desta segunda-feira (27), foi registrado um princípio de rebelião na Unidade de Internação Sentenciada Masculina, localizada na Avenida Rio de Janeiro, Bairro Lagoa, na capital.

Várias equipes da Polícia Militar foram acionadas e conseguiram controlar o motim. Três internos, que se diziam integrantes do Comando Vermelho (CV), foram apresentados na Central de Flagrantes.

De acordo com a polícia, os socioeducadores realizavam ronda pelos alojamentos, quando no bloco C verificaram que os internos haviam serrado as grades das celas. De imediato, os infratores saíram para o corredor, e liderados por três internos de 18 anos, motivaram outros a quebrarem os cadeados das celas e saírem dos alojamentos.

Em seguida, os infratores começaram depredar o patrimônio público, colocando fogo em colchões. Várias guarnições da Polícia Militar foram solicitadas para o local.

Os menores ainda chegaram a jogar diversos cadeados quebrados na direção dos policiais militares e socioeducadores, com o intuito de conseguir fugir. No entanto, acabaram sendo contidos pelo grande efetivo da Polícia Militar no local.

Foram apreendidos na posse dos rebelados: 5 armas artesanais (chuchos), 3 barras de ferro, uma serra, além de três facas e tabaco.