Em reconhecimento ao empenho do deputado Hermínio Coelho (PCdoB), enquanto presidente da Assembleia Legislativa, entre 2011 e 2014, quando atuou diretamente para a aprovação da lei complementar nº 731, de 30/09/2013, que reestruturou o Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS), o Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo (Sindler), entregou Moção de Louvor e Reconhecimento.

A direção do sindicato fez a entrega, após a aprovação na reunião da Federação Nacional dos Servidores dos Poderes Legislativos Federal, Estadual e do Distrito Federal (Fenale). “É sempre importante fazermos o nosso papel, termos a consciência tranquila de que fizemos a coisa certa, garantindo direitos a quem trabalha e dedicou sua vida ao Poder Legislativo. Fico feliz com o reconhecimento”, relatou Hermínio.

O presidente do Sindler, Rubens Luz, disse que Hermínio teve papel decisivo na aprovação da matéria, que tornou realidade o sonho dos servidores efetivos da Casa. “Ele deu celeridade, estabeleceu, em conjunto com a categoria, as bases de implantação do PCCS, que agora é uma realidade”, destacou.

Raimundo Façanha, que era presidente do Sindler à época, reforçou que Hermínio Coelho foi decisivo na implantação do Plano. “Foi em sua gestão, com o apoio dos demais parlamentares, que a matéria foi aprovada, contemplando aos servidores de carreira com um Plano que assegurou direitos e benefícios”, acrescentou.

Fonte: Assessoria