A principal pauta da segunda reunião do Sistema Diretivo do Sinjur, composto por diretores e delegados sindicais, foi o processo das Horas Extras, com informações detalhadas sobre o processo e da luta para que os humanitários e Requisições e Pequenos Valor sejam pagas o mais rápido possível.

Além de detalhes e debates acerca desse processo, também foram discutidas a atuação jurídica do Sindicato em processos disciplinares administrativos sofridos por servidores filiados, medidas economia nesse sentido e o custo dos serviços advocatícios, assim como a necessidade de que os contratos firmados doravante tenham cláusula que preveja percentual dos honorários dos advogados nas ações judiciais em retorno ao Sindicato, como forma de promover o crescimento patrimonial da instituição.

Informação e deliberações

A primeira pauta da reunião foi a apresentação dos balancetes fiscais dos últimos três meses do Sindicato dos Trabalhadores no Poder Judiciário do Estado de Rondônia (Sinjur). Um compromisso da gestão pela transparência, que aproxima o filiado da entidade sindical e proporciona maior controle da categoria sobre o orçamento e os gastos.

Também foi abordada a questão das comemorações do Dia do Servidor Público, já tradicional em meio à categoria. Posta em votação, foi aprovada a realização do evento na capital e no interior do Estado nos moldes feitos em anos anteriores, em detrimento de outras propostas apresentadas, como aquisição de imóvel, festa mais simples ou a criação de fundo assistencial e até de um banco para microcréditos.

Outro ponto debatido e deliberado foi a respeito da identidade visual do Sindicato, sendo aprovada proposta que trouxe uma releitura do atual símbolo do Sinjur, com traços mais definidos e arrendados, nas cores da bandeira de Rondônia.

Fonte: Assessoria