Um suspeito de envolvimento nos atentados de 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos, de nacionalidade alemã e origem síria, foi detido pelas forças curdas na Síria, indicou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) nesta quinta-feira (19).

Mohamed Haidar Zammar está sendo investigado num centro de detenção das forças de segurança curdas Asayish na Síria, adiantou a organização, que cita fontes do comando curdo-sírio.

A investigação está sendo realizada por um comitê conjunto das Forças Democráticas Sírias (FDS), aliança árabe-curda, e da coligação internacional dirigida pelos Estados Unidos.

Zammar nasceu na cidade síria de Aleppo e teria sido o recrutador dos terroristas que realizaram os atentados de 11 de setembro.

Depois de ter pertencido à Al-Qaeda teria se tornado membro do grupo extremista Estado Islâmico. Com informações da Lusa.