VILHENA: DESCONTROLADO, FILHO MATA A MÃE E QUATRO CACHORROS

filhoIvo Hoyer, 49 anos, teria atacado a mãe, 72 anos, ainda dentro de casa, pois havia muito sangue na residência. Com um facão, ele perfurou a garganta da mãe e estava arrastando ela para fora da casa quando os quatro cachorros da família tentaram o atacar.

Com o mesmo facão ele matou os quatro animais. Ao perceber a gritaria dos cachorros os vizinhos foram até o muro para ver o que estava acontecendo, quando Ivo jogou uma pedra na casa do vizinho e pulou o muro para atacar a família do vizinho com o facão.

Quando a Polícia Militar chegou ao local, o homem voltou para sua casa e com uma faca na própria garganta falava que ia se matar, quando tentou atacar os polícias com a arma branca, foi preciso atirar na perna para imobilizar o assassino, que foi contido pelos polícias e encaminhado para o Hospital Regional e após passar por atendimentos foi encaminhado a Delegacia onde irá responder pelo crime.

HISTÓRICO

Os amigos da família e os próprios vizinhos contaram que Ivo há algum tempo estava com problemas psicológicos após a morte do pai por câncer. Disseram ainda que ele era trabalhador e após os problemas psicológicos ele já tinha deixado cortar a energia e a água da residência e não deixava a mãe fazer as suas costuras.